Deputados reinvidicam solução para falta de água em Piaçabuçu

Com 18 deputados presentes na sessão desta quarta-feira, 6, o plenário da Casa aprovou duas indicações e seis projetos de lei. Uma das indicações aprovadas gerou debate em plenário, foi a solicitação do deputado Carimbão Júnior (Avante) para que se adotem providências visando solucionar o problema da falta de água e o excesso de salinidade no sistema de abastecimento do município de Piaçabuçu.

Os deputados  Rodrigo Cunha (PSDB), Inácio Loiola (PDT) e Jó Pereira (MDB), lembraram que não é a primeira vez que o parlamento reivindica essa questão, inclusive uma audiência pública da Casa, com a presença da Casal, foi realizada em junho de 2016, na cidade de Piaçabuçu, para debater a questão.

O deputado Bruno Toledo já teria articulado um encontro com o governador para instalar novas bombas para captação de água. No entanto, quase três anos depois após a instalação, que ocorreu por determinação judicial, as bombas nunca entraram em funcionamento, deixando especialmente o povoado Paciência em estado de calamidade.

A situação no local segundo Rodrigo Cunha é lamentável. Em Paciência, as bombas desativadas não dão outra alternativa senão o deslocamento de caminhões pipas às casas, para o abastecimento de água. No entanto, até algum tempo atrás era possível registrar doenças de pele e infecções nas pessoas devido ao asseio com água suja retirada do bueiro.

“É triste ver Piaçabuçu, uma cidade Ribeirinha do Rio São Francisco dessa forma. O povoado Paciência sofrendo com a salinidade da água de maneira mais intensa. O problema teria sido resolvido, mas a Casal vem fazendo paliativos que não resolvem o problema. A Semarh havia se comprometido a colocar reservatórios individuais e também até agora nada foi feito” completou Jó Pereira lembrando que uma emenda foi colocada dentro do orçamento de 2016 a 2017, destinando recursos para o abastecimento daquela cidade, mas acabou sendo vetado.

O deputado Luiz Dantas (MDB) prometeu levar pessoalmente a indicação ao governador Renan Filho (MDB). “Colocando a matéria em votação e sendo aprovada cabe a mim como líder do poder reclamar ao Governo e a Casal para dar satisfação a comunidade e também aos deputados que já reclamaram da falta de resolução”, finalizou a sessão.

Botão Voltar ao topo