Furto de cabos gera prejuízo de quase R$ 300 mil à Prefeitura

Quase R$ 300 mil já foram gastos pela Prefeitura de Maceió para repor cabos e equipamentos furtados de postes na capital alagoana, somente neste ano de 2017. De janeiro até os dois primeiros dias de abril, foram registradas 13 ocorrências em toda Maceió. Somente o furto de 2.560 metros de cabos de cobre, próximo à Faculdade Maurício de Nassau, custou aos cofres da Prefeitura R$ 76.800, valor que poderia ter sido utilizado em melhorias na iluminação de outras partes da cidade.

Cabos de cobre foram roubados na subestação de Jaraguá. Foto: Ascom Sima

Cabos de cobre foram roubados na subestação de Jaraguá. Foto: Ascom Sima

No último domingo (02), foram furtados 120 metros de cabos da Avenida Júlio Marques Luz (antiga Avenida Jatiúca), no valor de R$ 7.500. O prejuízo da reposição na subestação do Jaraguá, que deixou toda a Rua Sá e Albuquerque as escuras, ainda está sendo calculado.

O furto gera um prejuízo ainda maior para a população de Maceió, que sofre com a falta de iluminação, já que muitas vezes somente substituir os cabos não resolve o problema. O gestor da Sima, Frederico Lins, informou que muitas lâmpadas são queimadas na sobrecarga, assim como reatores e boa parte do sistema que alimenta as luminárias.

Na Avenida Márcio Canuto, no Barro Duro, mais de 1.400 metros de cabos de cobre foram levados, gerando um prejuízo para o município de R$ 21.315,07. “Isso acontece porque existe um receptador que compra esses cabos. Prendendo quem compra,  o roubo acaba”, disse Lins.

A Superintendência Municipal de Energia e Iluminação Pública (Sima) pede que a população denuncie quando observar pessoas que não estejam utilizando o uniforme da Sima ou da Eletrobras, mexendo na fiação dos postes. O órgão têm três canais para denunciar o furto, o Disque Luz (0800 031 9055), o site da Prefeitura de Maceió (www.maceio.al.gov.br/disqueluz) ou o aplicativo Cidade Iluminada (disponível no Google Play e na Apple Store).

“É importante que a população utilize os canais da Sima para denunciar roubo ou poste com problemas de iluminação. Cada luminária tem um ponto específico, cadastrado através de plaquetas. Feita a reclamação, as equipes da Sima hoje conseguem resolver em até 48 horas”, explicou o superintendente.

Botão Voltar ao topo